quarta-feira, Abril 11, 2007

Ervamoira celebra!


Com este Duas Quintas Celebração pretende-se comemorar o facto de não se ter construído a barragem de Foz Côa. Já lá vão 10 anos!
Motivo de sobra pois foi com este "não" que a Quinta da Ervamoira se salvou de ficar submersa. A Quinta e todas as gravuras do Côa.
Este vinho foi feito a partir de um lote de vários anos.

Xisto 2004

Eis que dois amigos se encontram outra vez.
Jorge Roquette da Quinta do Crasto e Jean-Michel Cazes do Château Lynch-Bages são os responsáveis pela segunda edição do vinho Xisto.
Desta feita trata-se do ano de 2004 onde marcam presença a Touriga Nacional (60%), a Touriga Franca (15%) e a Tinta Roriz (25%).
Depois de 18 meses de estágio em barricas de carvalho francês, engarrafaram-se 36 000 garrafas.

segunda-feira, Abril 02, 2007

Crescendo

A nova aposta da Altas Quintas já é visível.
Chama-se Crescendo.

O tinto de 2005 é feito a partir das castas aragonez e trincadeira, fermentou em balseiros de carvalho francês e estagiou 12 meses em barricas de carvalho francês e americano. Tem aromas frescos de ameixa e amoras silvestres.


O rosé de 2006 provém somente de aragonez.
Nos aromas deste rosé pululam a framboesa madura e ameixas frescas e o aroma fresco.