sábado, Janeiro 12, 2008

Giro Sol 2006

Mais uma parceria vínica.
Desta feita entre António Esteves Ferreira e Dirk Niepoort. Um loureiro de 2006 com notas vegetais muito bem combinadas com a finura de boca.
Uma estreia!
pvp: 7.80€

o novo Carqueijeiro


Depois do êxito qualitativo conseguido com a homenagem a António Carqueijeiro de 1999, este 2001 surge com 14 graus. Feito igualmente a partir das castas syrah, 94%, e viognier, 6%, estagiou em barricas de carvalho francês Seguin Moreau.
O lançamento deste novo homenagem surge no mercado agora acompanhado de novas colheitas de Aurius, Têmpera e reserva, 2002 e 2004 respectivamente.

VT 05

José Maria Calem, Jorge Serôdio Borges e Cristiano Van Zeller numa parceria da qual resulta este tinto VT.
A vinificação das várias castas típicas do Douro foi feita em lagares tradicionais de granito e com pisa a pé.
Estagiou 18 meses em barricas de carvalho francês.

Quinta de São João


É uma novidade do mesmo produtor dos já conhecidos vinhos da Quinta do Alqueve.

Sita da região do Ribatejo este tinto resulta de um blend das melhores castas portuguesas, entre as quais a touriga nacional, francesa e a tinta roriz. Depois da vindima manual e pisa a pé o vinho estagiou em barricas de carvalho francês e o engarrafamento foi feito sem qualquer processo de filtragem.

Quinta das Marias cuvée TT 2005

Touriga nacional e Tinta roriz, a origem do cuvée TT um pequeno produtor situado na região do Dão, Quinta das Marias de seu nome.
Deste vinho foram engarrafadas 4320 garrafas.
A cor é de um vermelho profundo e no aroma a elegência é determinante. Estagiou em barricas novas e usadas de carvalho americano e francês.